13 de jan de 2012

Sapato motorizado vira febre na CES


São Paulo - Um dos gadgets mais celebrados na CES 2012, feira de tecnologia que acontece esta semana em Las Vegas, são os sapatos motorizados SpnKix, criados por um designer da Califórnia.

Peter Treadway, o criador dos sapatos elétricos, arrecadou 80 mil dólares em sites de crowdfunding para tirar sua ideia da prancheta e torná-la um produto comercial. Os sapatos são uma espécie de patins com rodas grandes que podem ser acoplados ao calçado comum, como um sapato social ou um tênis por meio de cintos e fivelas.

Cada pé possui um pequeno motor e bateria de íons de lítio. Os calçados levam duas horas para serem totalmente carregados na tomada e oferecem autonomia para deslocamentos de até oito quilômetros. Segundo Peter, sua invenção atinge velocidade máxima de 16 quilômetros por hora.

O designer explicou que vem tentando criar formas práticas e sustentáveis de transporte individual há anos e acredita que o SpnKix é o produto ideal. De acordo com Peter, muitas pessoas desistem de ir a eventos como festas ou almoços simplesmente porque não terão onde estacionar ou porque não possuem um carro ou acesso a formas de transporte público. Para pequenos deslocamentos, os sapatos elétricos seriam ideais, diz.

O gadget estreará no varejo americano em março, com preço sugerido de 650 dólares. Na CES, a invenção tornou-se uma febre, já que muitos usuários decidiram testar o aparelho para poder deslocar-se pela feira. A aceleração e frenagem dos sapatos é comandada por um joystick, que pode ficar na mão ou no bolso do usuário.

Deslocar-se com um SpnKix, no entanto, requer certa habilidade. Usuários iniciantes podem levar tombos com o eletrônico.
 

fonte: Info/Abril

2 comentários:

  1. A idéia é otima para pisos lisos.. quero ver ir na feira de domingo com isso dai no nosso asfalto =P

    ResponderExcluir